sábado, 23 de maio de 2009

Teoria da Conspiração Gastronômica



Estava o pobre e humilde escritor deste blog afastado devido aos problemas de conexão e falta de tempo(?) para poder postar, além de um pouco de criativade, humor inteligente e "eufemismo roulez" que atraiam os muitos (??) leitores deste abandonado e jogado às traças espaço digital.

Algum tempo depois da minha última postagme, encontrei-me em algumas roubadas um tanto que, incomuns no meu cotidiano: fiquei desempregado....

Desempregado, nu de qualquer jeito....hahahah

Mas como se fosse um passe de mágica e por mera coincidência do acaso, comecei a trabalhar em Porto Alegre, não abandonando o comércio exterior, nem muito menos a faculdade.

Está certo. Comecei a acordar beeem mais cedo, mas também bem mais motivado pelo simples fato de trabalahr em algo que me satisfaz e com pessoas diferentes.


Sexta-feira: É dada a largada para o fim de semana. Pela manhã, já é possível ouvir de longe os sons das buzinas, os sons dos celulares, os sons dos saltos altos das mulheres impondo-se discretamente no meio da multidão.

A cidade já está movimentada. Afinal, ela nunca para. O sol já queima o rosto, mas a estação não condiz com o clima. As pessoas aceleram a caminhada na rua, pois o metrô atrasou e o engarrafamento começa a ficar pesado.

No trabalho, o clima de descontração aquece ainda mais a manhã. O chimarrão tornou-se um ritual de escritório, o "good morning" para a sede espanhola da empresa, é obrigação e a atenção, fundamental.


12:15 P.M: A moça de óculos anuncia: "gente, está quase na hora! Tô com fome! Alguém me acompanha?" - Não houve como negar. A fome também já assolava a todos os presentes. As bolachas roubadas do armário da madrasta e que foram guardadas secretamente dentro da primeira gaveta, perto do monitor do computador, não fazem nem cócegas no estômago.

- VAmos comer em um lugar diferente?

Não importava. Qualquer lugar no mundo já estava bom, desde que saciasse a vontade de comer algo consistente. Os cinco próximos minutos de caminhada, pareciam cinco longas eternidades.


12:30 P.M - Momento Solene: A trajetória terminara. A trilha sonora que passa pela cabeça é de 2001 - uma Odisséia no Espaço. O momento que contemplava o imenso hipermercado e templo de consumo me enchiam os olhos, porém não o estômago. Os olhos percorriam incessantemente em busca de algo. Finalmente! Lá estava a Babilônia gastronômica. O Sonho de todo italiano, o sonho de todo o francês, o sonho de todo chinês, o sonho de qualquer um.

Ali é possível escolher o sonho de qualquer um. O meu foi o sonho oriental. O Sonho chinês. A fila era imensa e a fome também.


12:35 P.M - A conspiração: Chegou a vez de servir-me. As massas com molho Shoyu,cenoura,pimentão,milho ; o frango à xadrez muito bem temperado, a carne bovina ou cachorrina muito bem colorida. Tudo aos poucos foram tomando conta de um único prato.

Num dos últimos pratos a serem apresentados pelo restaurante, o momento da conspiração aconteceu. Apareceram dois pratos e faltou um inteiramente importante para culinária chinesa.

Aquilo era de chocar qualquer crítico de culinária, ou até mesmo qualquer leigo, não que eu seja um expert em comida. Muito pelo contrário, só causou surpresa.

Ali estava! Na bandeja em cima da bandeja de cebola frita: O SUSHI !!! Elemento estranho: Sushi em um restaurante chinês?! Meu Deus!!!! Polenta frita?! MAs em que diabos de mundo estamos?!!

O choque ainda não havia terminado. No momento em que cheguei ao caixa, pensei que haveria pelo menos algum biscoito da sorte, assim como aqueles que vemos nos desenhos animados orientais e ocidentais. Engano o meu!!!! Não havia N-A-D-A!O Mundo começou a conspirar contra tudo???

12:35 min e 59 seg. - O Choque: Tentando ainda buscar algum traço de orientalidade no restaurante, deparei-me com uma caixa brasileira (MEU DEUS). Procurei pelas pequenas senhoras e senhoritas que percorriam o pequeno espaço entre o buffet e a cozinha chinesa, mas NADA, nem sequer um olho puxado.......


A Teoria Gastronômica estava armada....Seria apenas eu capaz de ver que certas coisas não estavam em seu lugar? Que o sushi além de ser japonês, estava sendo feito com legumes de conserva em vez de legumes frescos?


Se você tem um relato assim divulgue ele em meu blog também....>!!!



A crônica da Teoria da conspiração gastronômica pode ser acompanhada também no blog http://www.opub.blogspot.com , onde o amigo Mauro e mais alguns outros compartilhantes de mesmas idéias, contam relatos estranhos, boatos, conspirações, crônicas, colunas....

Um comentário:

Neluparf disse...

Sim, sim visitem o PUB, eu agarantho...

É impresão minha (é claro que não), mas foi olocada uma foto da amelie poulain no teu blog??

Haha, eu influencio mais do que imaginava...